PRÓXIMA MÚSICA
Title
Artist

TOCANDO AGORA


PRÓXIMA MÚSICA


PEDIDO MUSICAL

MP-RJ acusa Pezão de beneficiar Fetranspor

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro ajuizou uma ação civil pública contra o ex-governador Luiz Fernando Pezão pelo recebimento de R$ 11,4 milhões, que teriam sido pagos pela Fetranspor. O objetivo da entidade, segundo a ação, era que Pezão defendesse os interesses da organização durante o seu governo. Pela constante prática de corrupção, a Fetranspor pode até ser extinta.

De acordo com o MP, entre os atos de Pezão para beneficiar a Fetranspor, está o oficio de 10 de janeiro de 2017, que autorizava o acréscimo de R$ 0,27 nas tarifas de ônibus intermunicipais, além da correção da inflação pelo IPCA. Como justificativa, o ex-governador disse que o aumento seria para reembolsar os custos com gratuidades nos anos de 2015 e 2016. Porém, segundo o MP, esses custos com gratuidades já eram pagos pelos demais usuários do sistema de ônibus, pois integrava a base de cálculo das tarifas e dos reajustes periódicos.