PRÓXIMA MÚSICA
Title
Artist

TOCANDO AGORA


PRÓXIMA MÚSICA


PEDIDO MUSICAL

Partidos abaixo da cláusula de barreira vão perder benefícios

Quatorze partidos registrados no Tribunal Superior Eleitoral devem ficar abaixo da cláusula de barreira, mecanismo que tenta reduzir a fragmentação partidária no Brasil. Eles não atingiram o índice mínimo de votos válidos, nem fizeram deputados federais em número suficiente para vencer a cláusula, que definirá acesso ao fundo partidário e à propaganda de rádio e televisão no próximo ano. Os 14 partidos políticos que vão perder os benefícios são: PCdoB, Patriota, PHS, PRP, PMN, PTC, Rede, PPL, DC, PRTB, PMB, PCB, PSTU e PCO. Se, em 2022, essas siglas tiverem desempenho suficiente, voltam a ter acesso ao fundo partidário e à propaganda. Mas vale destacar que a regra fica mais rígida de eleição em eleição. Outros quatro partidos passaram no limite e precisam melhorar seus desempenhos no próximo pleito. Avante, PPS, PSC e PV cumpriram um dos critérios deste ano: seus candidatos à Câmara tiveram mais de 1,5% dos votos válidos e ficaram acima de 1% em pelo menos nove estados, mas suas votações ainda não superam a barreira da próxima eleição.